sábado, 27 de fevereiro de 2010

A justiça é lenta... mas IRN bate records

Ao que parece quando comprei casa (à praticamente 2 anos), parece que paguei dinheiro a mais em algum emolumento (seja lá o que isso for) e recebi hoje (26/02/2010), a devolução desse dinheiro - 25€ , em forma de cheque.

Até aqui tudo bem, só demoraram 23 meses a enviar a carta, nada de anormal, certo?
Errado.
Ao que parece demoraram apenas 8 meses a tratar da documentação e respectivo cheque, e os restantes 15 meses para enviarem a carta para mim...



Tudo seria perfeitamente normal, se o cheque não tivesse expirado à 4 meses atrás (2009-10-31). Bonito né?



- Data do envelope - correios : 2010-02-26
- Data da carta - no interior : 24/11/2008
- Data do cheque: 25/11/2008
- Expiração do cheque: 2009-10-31

Só me fod..

---- Actualização----
Aparentemente enviaram para a morada errada em 2008 (mandaram para a minha garagem), o que é extraordinariamente dificil de conseguir, uma vez que *toda* a documentação no interior da carta falava sobre a morada correcta, e a carta voltou para tras. Quinze meses depois lembraram-se de limpar o lixo que lá tinham e enviar de novo as cartas de falharam. Só devem fazer isto de dois em dois anos. Tive sorte.

Quanto ao cheque, não precisaram de me dar outro porque como foi para depositar na cgd, fica tudo em casa e a validade é só um proforma.



2 comentários:

Pedro Durão disse...

meu deus... !!!

RECLAMA COM ELES !! APERTA COM ELES !!!

FORÇA

Francisco Lourenço disse...

Obrigado pelo apoio Pedro!
Tenciono ir lá amanhã deixar um autografo no livro vermelho e pedir explicações. Não pelo dinheiro, sobrevivo bem sem os 25€ extra, mas é o pelo principio da coisa.
Com sorte ainda consigo tirar juros de mora :D